Quarta-feira, 8 de Junho de 2005

VAMOS SALVAR OS MORCEGOS? Texto e ilustração de Sara Teixeira

caixamorcegos.jpg

Morcego, uma espécie em vias de extinção

Os morcegos são animais representados em todos os continentes à excepção da Antárctica e de muitas ilhas oceânicas. São os únicos mamíferos com capacidade de voo activo por possuírem uma expansão cutânea (membrana alar) suportada pelos quatro dedos da mão e que abrange as patas posteriores e a coluna vertebral caudal. É esta membrana que lhes permite o voo.
Os ossos do antebraço, do metacarpo e dos dedos dos membros anteriores, são bastante longos relativamente ao tamanho do corpo.
Em cada um dos membros anteriores existe um polegar curto que se distingue dos restantes dedos por possuir uma garra.

Ecolocação: a maior parte dos morcegos emite sons de alta frequência através da boca que se reflectem nos objectos circundantes. Os ultra-sons regressam ao animal, em forma de eco e são recebidos pelo ouvido. Pela interpretação dos ecos, os morcegos reconhecem a presa facilitando a captura. Também os morcegos que se alimentam de fruta, pólen e sangue. Possuem um sistema de ecolocação simples porque têm meios de orientação como um fino olfacto.

Voo: os morcegos são os únicos mamíferos voadores. Durante o voo, movem o potágio de cima para baixo e vice-versa com um movimento rotativo. Estes movimentos são tão rápidos que se tornam invisíveis à visão humana. Já no solo deslocam-se com dificuldade e lentidão.

Natação: todos os morcegos são bons nadadores. Quando caem à água, dão uma espécie de salto sobre ela, produzido por movimentos bruscos da membrana alar.

Hibernação: uma outra adaptação dos morcegos consiste na sua entrada em letargia, nas épocas frias do ano. Com a descida de temperatura ou com a falta de alimento, os morcegos atingem baixas temperaturas corporais, logo, para economizar energias, hibernam.

Alimentação: todas as espécies de morcegos são insectívoras. Os morcegos maiores preferem presas maiores; os morcegos pescadores alimentam-se de peixes; e os vampiros, outra espécie de morcegos, alimentam-se de sangue de aves e mamíferos.

Abrigo: estes animais necessitam de repouso diurno, pois, praticam uma actividade nocturna. Os abrigos normalmente escolhidos por estas espécies são escolhidas de modo a lhes permitir um refúgio contra os predadores. Grande parte dos morcegos abrigam-se em grutas e minas. Estas são os melhores refúgios pois, são locais que lhes permitem uma ocultação perante possíveis predadores e também porque as condições das grutas facilitam o aparecimento de insectos, aranhas, etc.

Importância:
Estes animais são importantes, principalmente as insectívoras, pois permitem a manutenção dos ecossistemas. Ao eliminarem muitos insectos estão a contribuir para o controle das pragas agrícolas e florestais.

Porque estão ameaçadas?
O homem é o principal causador da extinção desta espécie pois, ao longo dos tempos tem vindo a cometer certos erros:
 Envenenamento de insectos dos quais os morcegos se alimentam;
 Redução do habitat disponível – esta é a causa mais importante que leva à extinção.
Estes problemas são agravados pela baixa taxa de reprodução dos morcegos. Também as perturbações, feitas pelo homem, durante a hibernação destes animais provoca um consumo mais rápido das energias reservadas por estes.

O que fazer?
Quando há conhecimento de animais ou que incomodam ou que se estão em perigo deve-se contactar:
 Associações de conservação da natureza ( FAPAS, Quercus, LPN)
 Parque biológico

Como ajudar?
Para ajudar pode-se comunicar a uma instituição ou, por exemplo, construir um abrigo.

Instruções:
Material- uma prancha com cerca de 150cm de largura, 110cm de comprimento e 2,5cm de espessura; pregos; arame; serra de madeira; martelo; lápis; régua.

1. Desenhar os cortes na prancha de modelo e serrá-la de acordo com o diagrama.
2. Na parte de trás do abrigo, serrar o entalhe, fazendo ainda pequenos cortes.
3. Unir as várias secções do abrigo com os pregos.
4. Encaixar a cobertura do abrigo no entalhe da secção traseira.
publicado por António Luís Catarino às 10:29
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Anónimo a 9 de Junho de 2005 às 15:20
Mais um trabalho muito óptimo, parabéns!este tocou-me particularmente e, além disso, com a ilustração ficou bastante original!CONTINUA, e abrações para todos!!! Bia
</a>
(mailto:e-mail@paraquê?.pt)
De Anónimo a 8 de Junho de 2005 às 17:18
Parabéns pelo teu trabalho visto que a ilustração está simplesmente maravilhosa
Os teus trabalhos tem vindo a ser (para mim) dos melhores do blog assim como os da Beatriz ...e de outros, não é?Não tenho mais nada a dizer portanto vou deixar aqui os meus cumprimentos de despedida, para todos vocês fiquem bem***
bye bye byeTeresa Mota
</a>
(mailto:beijopkinhas@amor.pt)
De Anónimo a 8 de Junho de 2005 às 10:34
Sara: mas que artigo fabuloso! Com a devida ilustração e tudo a condizer. Muito bem. Não sabia o que era preciso tão pouco para ajudar esta espécie (por vezes tão maltratada nos filmes!) a sobreviver. Mais uma vez, parabéns.Prof. Luís Catarino
</a>
(mailto:skamiaken@sapo.pt)
De Ana Rita dos Santos Bernardo a 25 de Maio de 2011 às 16:06
lindo
muito lindo mas é tudo uma treta
De Margarida Marinho a 25 de Maio de 2011 às 16:08
so mentiras os morcegos sao uma treta
De Joaninha do Campo a 20 de Julho de 2011 às 18:25
Fodas! Que travbalho de merda!!!!!
COMO PODES CONTINUAR A ESCREVER COISAS ASSIM NA NET!?? NAO VEZ QUE TOOOODAAAA A GENTE ESTA A GOZAR COM A TUA CARA !?? DAAAAHH
Nao pensava que eras assim TAO estupida!!!!

Beijos da tua querida amuga Joamumha do Campo!
De morceguinho a 13 de Agosto de 2012 às 14:22
caros leitores...estou com um dilema.....SOU GAY!!! digam-me o que devo fazer. devo contar aos meus pais?? tenho medo da reaçao deles. se algum gay tiver a ler isto me ajude por favor.....

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Alta ansiedade do profess...

. SOBRE A METODOLOGIA E PRÁ...

. Olha!, mais uma revista s...

. DESCOBERTO CEMITÉRIO ROMA...

. ATENÇÃO A ESTE FILME HIST...

. UMA PROPOSTA DE FIM-DE-SE...

. CALENDÁRIO ESCOLAR 2005/2...

. Crianças, telemóveis e o ...

. UM FILME A NÃO PERDER: «C...

. AS MISTERIOSAS GRAVURAS G...

.arquivos

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

.favoritos

. E o homem com livros cont...

blogs SAPO

.subscrever feeds