Sexta-feira, 22 de Abril de 2005

NEPTUNO, de Diogo José.

neptune_sm.jpg
Neptuno é o oitavo planeta a contar do Sol e o quarto maior (em diâmetro). Neptuno é mais pequeno em diâmetro mas maior em massa que Urano.
Na mitologia Romana, Neptuno (Grega: Poseidon) era o deus dos mares.
Depois da descoberta de Urano, notou-se que a sua órbita não estava em concordância com as leis de Newton. Foi mais tarde previsto que outro planeta mais distante deveria estar a perturbar a órbita de Urano. Neptuno foi pela primeira vez observado por Galle e d'Arrest a 23 de Setembro de 1846, muito perto das localizações independentemente previstas por Adams e Le Verrier a partir de cálculos baseados na posições observadas de Júpiter, Saturno e Urano. Nasceu uma disputa internacional entre os Ingleses e os Franceses (embora não entre Adams e Le Verrier pessoalmente) sobre a prioridade e o direito de dar o nome ao novo planeta; eles são os descobridores oficiais de Neptuno. Observações subsequentes mostraram que as órbitas de Adams e Le Verrier divergem da órbita real de Neptuno com razoável rapidez. Se a procura do planeta tivesse tido lugar mais cedo ou mais tarde, não teria sido encontrado nem perto do local previsto.
Mais de dois séculos antes, em 1613, Galileu observou Neptuno quando esteve muito perto de Júpiter, mas pensou que fosse apenas uma estrela. Em duas noites sucessivas o astrónomo notou que se tinha movido em relação a outra estrela vizinha. Mas nas noites seguintes estava já fora do seu campo de visão. Se o tivesse observado nas noites anteriores, o movimento de Neptuno ter-lhe-ia sido óbvio. Mas, desgraçadamente, o céu nublado impediu-o de observar nesses dias críticos.
Neptuno foi apenas visitado por uma sonda, a Voyager 2 a 25 de Agosto de 1989. Muito do que sabemos acerca de Neptuno vem apenas deste único encontro. Mas felizmente, observações terrestres e com o Telescópio Espacial Hubble têm proporcionado mais dados de estudo.
Devido à órbita de Plutão ser tão excêntrica, por vezes atravessa a órbita de Neptuno, fazendo deste último o planeta mais distante do Sol durante alguns anos.
A composição de Neptuno é provavelmente similar à de Urano: vários "gelos" e rocha com cerca de 15% de hidrogénio e um pouco de hélio. Tal como Urano, mas ao contrário de Júpiter e Saturno, poderá não ter camadas internas distintas, mas sim uma estrutura mais ou menos uniforme em composição. É também mais provável ter um núcleo pequeno (com aproximadamente a massa da Terra) de material rochoso. A sua atmosfera é principalmente formada por hidrogénio e hélio, com pequenas quantidades de metano.
publicado por António Luís Catarino às 18:21
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Anónimo a 4 de Maio de 2005 às 20:51
Está muito fixe o teu artigo sobre o planeta Neptuno.

patrícia
</a>
(mailto:tixinhacastro@hotmail.com)
De Anónimo a 1 de Maio de 2005 às 15:44
olá diogo!com este trabalho fiquei a saber mais sobre Neptuno!é um planata "fixe" e diferente. o trabalho está muito bom, parabéns!!Bia
</a>
(mailto:biafrutuoso@hotmail.com)
De Anónimo a 22 de Abril de 2005 às 18:27
ola =) dsclp la aki a publicidade...espero k n t importes..kero so dizer k abri um blog sobre o massacre ds animais k é http://diznao.blogs.sapo.pt e kero k as pexoas vejam cmo os animais sofrem ns maos d nos humanos ATENXAO S ES SENSIVEL E S T SENTIRES MAL CM AS IMAGENS K VOU POR E TEXTOS FEXA O SITE bjks***karina
(http://givemawhisper.blogs.sapo.pt)
(mailto:diznao@hotmail.com)
De Anónimo a 22 de Abril de 2005 às 18:24
Ora aí está! Boa, Diogo! Um artigo simples, claro e útil, que dá gosto ler. Continua a participar.Prof Luís Catarino
</a>
(mailto:skamiaken@sapo.pt)

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Alta ansiedade do profess...

. SOBRE A METODOLOGIA E PRÁ...

. Olha!, mais uma revista s...

. DESCOBERTO CEMITÉRIO ROMA...

. ATENÇÃO A ESTE FILME HIST...

. UMA PROPOSTA DE FIM-DE-SE...

. CALENDÁRIO ESCOLAR 2005/2...

. Crianças, telemóveis e o ...

. UM FILME A NÃO PERDER: «C...

. AS MISTERIOSAS GRAVURAS G...

.arquivos

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

.favoritos

. E o homem com livros cont...

blogs SAPO

.subscrever feeds